fbpx

COVID-19 E GRIPES DENTRO DE CASA COMO EVITAR O CONTÁGIO?

COVID-19 E GRIPES DENTRO DE CASA COMO EVITAR O CONTÁGIO?

COVID-19 E GRIPES DENTRO DE CASA COMO EVITAR CONTÁGIO
COVID-19 E GRIPES DENTRO DE CASA COMO EVITAR CONTÁGIO

 COVID-19 E GRIPES DENTRO DE CASA COMO EVITAR CONTÁGIO

Covid-19 e gripes dentro de casa como evitar contágio porque diante do momento que estamos vivendo, gostaríamos de aproveitar e trazer algumas informações para nossos pacientes, que serão importantes para prevenir o contágio não só de COVID-19 bem como de gripes comuns dentro de casa, e o mais importante ainda para que as pessoas doentes não transmitam os vírus para as outras de seu convívio próximo.

A ciência ainda não sabe qual será a taxa de mortalidade do COVID-19 no Brasil (o número de pessoas que irão morrer pela doença no país), mas em 2019, a gripe comum foi responsável por 1.109 óbitos no Brasil (Ministério da Saúde).

https://www.saude.gov.br/images/pdf/2019/dezembro/23/Boletim-epidemiologico-SVS-38-2-interativo.pdf

Quais pessoas podem ter complicações em decorrência da COVID-19 E GRIPES DENTRO DE CASA ? (OMS e Ministério da Saúde)

https://www.who.int/en/news-room/fact-sheets/detail/influenza-(seasonal) (Gripe)

http://189.28.128.100/dab/docs/portaldab/documentos/20200320_ProtocoloManejo_ver03.pdf (COVID-19)

  1.  Gestantes em qualquer fase da gestação;
  2.  Crianças menores de 5 anos de idade;
  3.  Idosos com mais de 65 anos de idade;
  4.  Doentes crônicos: soropositivo, asma, doenças cardíacas e pulmonares, diabetes;
  5.  Pessoas que tem alto risco de exposição à COVID-19 E GRIPES, que inclui trabalhadores da área da saúde.

Apenas o álcool gel 70% é eficaz para desinfecção?

Fonte: http://portal.anvisa.gov.br/noticias/-/asset_publisher/FXrpx9qY7FbU/content/saneantes-populacao-deve-usar-produtos-regularizados/219201/pop_up?101_INSTANCE_FXrpx9qY7FbU_viewMode=print&_101_INSTANCE_FXrpx9qY7FbU_languageId=pt_BR

A Anvisa recomenda o uso dos saneantes classificados nas categorias “Água Sanitária” e “Desinfetante para Uso Geral”, que são indicados para higienizar e desinfetar ambientes, utensílios, objetos (móveis, maçanetas, corrimão, interruptores de luz, etc.). Além do álcool gel 70%, podem ser usados também o hipoclorito de sódio, ácido peracético, quaternários de amônia e fenólicos. Bem como recomenda-se seguir as instruções contidas no rótulo dos produtos.

Produtos regularizados pela Anvisa:

http://portal.anvisa.gov.br/documents/219201/4340788/Lista+%C3%81gua+Sanit%C3%A1ria+e+Desinfetante+de+Uso+Geral.xls/b8cce205-e53c-4184-b11c-b7cbd8f7ac16
2) Alguém do seu lar foi diagnosticado com o COVID-19 e gripe, mas não foi internado, que cuidados ter em casa?
FONTE: http://WHO https://apps.who.int/iris/rest/bitstreams/1272288/retrieve

 

Monitorar os sintomas, se o paciente tiver piora, como dificuldade para respirar, dor ou sensação de pressão persistente no peito, confusão mental ou dificuldade para se levantar, procurar atendimento médico.

Se possível em primeiro lugar faça:

a) Isolamento social em um ambiente arejado, com portas e janelas abertas, e banheiro exclusivo. Se não for possível, manter distância mínima de um metro do paciente.
b) Eleger uma única pessoa para cuidar do paciente, e que seja saudável, sem doenças crônicas. Proibir visitas enquanto o paciente não estiver recuperado e sem sinais de sintomas da doença.
c) Limitar a movimentação do paciente pela casa e reduzir espaços compartilhados também assegure-se que estes espaços estejam bem ventilados e  com as janelas abertas.

Para conter secreções respiratórias, disponibilizar máscaras cirúrgica, que devem ser usadas todo o tempo, trocadas diariamente, caso fiquem úmidas ou sujas de secreções, troque-as imediatamente por uma máscara nova e limpa.

Não reutilize máscaras e luvas. Elas não devem ser tocadas ou manuseadas durante o uso, para evitar sua contaminação. Ao trocar a máscara, não toque na parte frontal, use o elástico ou as tiras para removê-la e higienize as mãos antes de colocar a máscara limpa. Se elas não estiverem à disposição, seguir rigorosa higiene respiratória, cobrir nariz e boca com lenço de papel, ao tossir ou espirrar, e descartá-la.

Em segundo lugar:

Porque seguir rigorosamente as orientações de lavar bem as mãos com água e sabão durante pelo menos 20 segundos, ou usar álcool em gel 70%, principalmente após usar o toalete, antes de se alimentar, após assoar o nariz, tossir ou espirrar. Secar as mãos, preferencialmente com papel toalha. Se não for possível, usar toalhas limpas e trocá-las com frequência porque irão te auxiliar na prevenção contra gripe e covid-19.
Evite contato com pessoas e animais embora exista há relatos de animais ficarem doentes,  é recomendado manter o distanciamento.
Não compartilhe objetos pessoais tais como talheres, pratos, copos, celular, roupas, toalhas, jogo de cama e qualquer artigo de uso pessoal.

O paciente deve ter jogo de cama e utensílios de cozinha exclusivos, que devem ser lavados com sabão ou detergente e podem ser reutilizados. Limpe e desinfete o banheiro e suas superfícies pelo menos uma vez ao dia.

Em terceiro lugar e não menos importante use máscara e luvas descartáveis para higienizar todas as superfícies rígidas que estão em contato com o doente.

Como: móveis, balcões, mesas, maçanetas, itens do banheiro, assento sanitário, celulares, teclados e tablet, todos os dias.

Primeiro limpe com sabão ou detergente, enxague e use desinfetante que contenha 0,1% de hipoclorito de sódio. Desinfete também superfícies que podem ter sangue, fezes ou fluidos corporais. Roupas, toalhas de cama sujas com sangue, fezes ou fluidos corporais devem ser coletados com o uso de luvas e lavados imediatamente, com sabão de uso habitual.

As luvas de utilidade devem ser lavadas com água e sabão e desinfetadas com solução de hipoclorito de sódio a 0,1%.

É importante que luvas, máscaras e outros materiais contaminados devem ser separados em uma lixeira com tampa, no quarto do paciente, antes de descartá-los como resíduos contaminados.

Dúvida: Onde descartar os EPI’s contaminados?(COVID-19 E GRIPES DENTRO DE CASA )

Você deve evitar se expor a  itens passíveis de contaminação no ambiente do paciente.

por exemplo: não compartilhe escovas de dente, cigarros, talheres, pratos, bebidas, toalhas, e roupas de cama.

Para pacientes com sintomas leves que tiveram a COVID-19 e gripe confirmada por exames laboratoriais, que permaneceram em casa, pode sair da quarentena após testar negativo duas vezes, por meio de duas amostras, coletadas em intervalo de pelo menos 24 horas. Quando o teste não for possível, Concluindo a OMS recomenda que pacientes com diagnóstico confirmado permaneçam em isolamento social por duas semanas após remissão dos sintomas.

Concluindo todas estas medidas ajudam de forma substancial para manter a saúde de todos os que estão convivendo debaixo do mesmo teto e também das pessoas com quem elas se relacionam.

Outros assuntos : https://alteraodonto.com.br/blog/

 

Texto produzido pela  drª Elaine Fueta Gomes

CROSP 90.067, cirurgiã-dentista periodontista
Social media & sharing icons powered by UltimatelySocial
Iniciar conversa
Olá! Em que podemos ajudar?
Powered by